Quinta, 21 de outubro de 2021
ZAP 94054-5353
Cotia

02/07/2021 às 12h53 - atualizada em 02/07/2021 às 12h59

Redação

COTIA / SP

Gestora condominial dá dicas e orientações preventivas aos idosos durante a pandemia
A gestora condominial, Rose Lopes, alerta sobre cuidados necessários de se ter com os idosos durante o período da pandemia de Covid-19.
Gestora condominial dá dicas e orientações preventivas aos idosos durante a pandemia

Segundo Rose, o número de idosos no Brasil tem crescido com os avanços de qualidade vida e saúde, resultando em mais pessoas dessa faixa etária vivendo sozinhas em condomínios. “É preciso que esses espaços coletivos ofereçam tranquilidade, segurança e acessibilidade, principalmente com a pandemia atual”, disse a gestora.


Segundo Rose, o número de idosos no Brasil tem crescido com os avanços de qualidade vida e saúde, resultando em mais pessoas dessa faixa etária vivendo sozinhas em condomínios. “É preciso que esses espaços coletivos ofereçam tranquilidade, segurança e acessibilidade, principalmente com a pandemia atual”, disse a gestora.


Pensando nisso, Rose Lopes separou alguns cuidados e ações de síndicos e condôminos para auxiliar esse grupo de risco durante o período:


• Produza uma comunicação ativa e direta. Informe sobre os cuidados sanitários necessários com saídas  e conscientize sobre a prioridade em manter o isolamento social, principalmente para grupos de risco;


•  Oriente sobre o não recebimento de visitas desnecessárias, mantendo uma atenção aos pedidos de delivery feitos pelo morador, indicando os procedimentos e cuidados ao entregador e o idoso;


• Caso seja informado sobre a possibilidade de o morador estar infectado, o mesmo precisa ser isolado em seu apartamento ou casa, tendo a procura por atendimento imediato;


• Grande parte dos moradores acima dos 60 anos tende a levar uma vida sozinha ou não mora com suas famílias. É importante a manutenção de sua saúde mental, desenvolvendo ideias em que outros condôminos na mesma situação -ou não-, construam um contato através de meios de comunicação remota;


• É primordial que o condomínio possua conhecimento das condições de saúde e física dos idosos, junto a números de emergências. Seja por uma emergência alheia à pandemia ou para o momento atual, é preciso que o contato com familiares ou amigos seja realizado e o devido atendimento cedido;


• Mostra-se importante que o condomínio obtenha um funcionário capacitado em primeiros socorros em todos os turnos disponíveis. Caso seja algo além dos cuidados básicos, o mesmo pode acionar ajuda médica especializada.


Além dessas ações, os cuidados básicos devem ser incentivados, informando sobre uso obrigatório de máscaras, lavagem de mãos com sabão ou álcool 70%, evitar levar as mãos aos olhos, nariz e boca, e sempre praticar o distanciamento social de 2 metros.


“Estamos todos na mesma situação. Apesar de o coronavírus ter promovido um isolamento físico, o emocional não precisa ser afetado.  Siga com atenção e promovendo sempre um ambiente saudável e seguro, não só para moradores idosos, como para todos os condôminos e funcionários”, concluiu Rose Lopes.


 

FONTE: Rose Lopes – Gestora Condominial e-mail: [email protected]

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados