Sexta, 17 de setembro de 2021
Só chamadas 99840-0966
Geral

28/06/2021 às 18h01 - atualizada em 28/06/2021 às 18h08

Redação

COTIA / SP

Licenciamento final 4 é feito em julho no estado de São Paulo; saiba como pagar
Para evitar sair de casa em meio à pandemia da Covid-19, o contribuinte também pode contratar os serviços de um despachante credenciado ao órgão estadual competente.
Licenciamento final 4 é feito em julho no estado de São Paulo; saiba como pagar

Condutores de veículos registrados no estado de São Paulo devem ficar atentos aos prazos para renovar o licenciamento anual obrigatório. Em julho, são licenciados os automóveis com placa final 4. Deixar de pagar a taxa é uma infração gravíssima, punível em multa e apreensão do veículo.


O licenciamento final 4 pode ser pago em casas lotéricas, via internet banking ou em agências dos bancos conveniados ao Detran-SP, são eles: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Safra e Santander. Durante a transação, o Renavam do veículo deve ser informado. O imposto só pode ser quitado perante a regularização de todos os débitos de trânsito, incluindo possíveis multas e documentações.


Para evitar sair de casa em meio à pandemia da Covid-19, o contribuinte também pode contratar os serviços de um despachante credenciado ao órgão estadual competente. Assim, são oferecidas outras formas de pagamentos e todos os débitos podem ser regularizados no mesmo lugar, sem a necessidade de informar o Renavam do automóvel.


Calendário de pagamento


De acordo com o calendário divulgado pelo Detran-SP, os pagamentos devem ser feitos entre abril e dezembro. Para caminhões e tratores, os prazos são diferentes, vão de setembro a dezembro. O cronograma deve ser consultado conforme o último número da placa do veículo. Este ano, o imposto sofreu reajuste. No caso de automóveis zero km, a alta foi de 40% em relação aos R$ 93,87 cobrados no ano passado, totalizando R$ 131,80. Para veículos usados, o aumento é de 5,36%, somando R$ 98,91.


De acordo com o art. 230 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), conduzir o veículo sem estar devidamente licenciado é infração gravíssima, passível de multa no valor de R$ 293,47, acréscimo de sete pontos à habilitação e apreensão do automóvel até a regularização dos débitos.


Por: Julia Veroneze

Clique nas imagens abaixo para ampliar:
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados